fbpx

Mercado de seguros 2023: entenda o crescimento previsto

Mercado de seguros no Brasil crescimento 2023 como será

Índice

Mercado de seguros 2023: entenda o crescimento previsto 

Além de ter encerrado o ano de 2022 nas alturas, o mercado de seguros no Brasil promete novo crescimento em 2023, buscando criar uma “cultura do seguro” no país e estimular as pessoas a investirem mais neste tipo de serviço. Saiba o que motivou o crescimento desse setor nos últimos anos e quais são as novas tendências do mercado.

O Crescimento do Mercado de Seguros no Brasil 

O mercado de seguros no Brasil nunca foi tão forte. A verdade é que, antes, ele estava bem estabelecido e registrava lucros anualmente, mas nunca foi da cultura do brasileiro investir em seguros (a não ser em algumas exceções, como o de automóveis). 

Foi somente com a chegada da pandemia, em 2020, que as pessoas entenderam que um bom seguro faz total diferença, principalmente de vida e previdenciário. Isso deu uma alavancada no setor, que colhe frutos até hoje: em 2022, o crescimento na arrecadação foi de 17,1%, segundo dados da Cnseg (Confederação Nacional das Seguradoras). Essas características, portanto, ajudam a ditar as tendências para o mercado de seguros 2023.

Tendências de Crescimento no Setor de Seguros em 2023

O ano de 2022 representou, para o mercado de seguros, um período de adaptação ao novo cenário deixado pela pandemia. As tendências de 2023, nesse sentido, são influenciadas por este contexto, mas buscam atender as necessidades de uma nova realidade. 

Em primeiro lugar, é importante ressaltar que a pandemia moldou um novo perfil de consumidor e que tais características devem se intensificar em 2023. A essência desses novos consumidores se baseia nas atividades digitais, que provavelmente teriam se desenvolvido mais lentamente se não fosse pela necessidade de isolamento social por um longo período. 

Assim, estes novos consumidores optam por seguros que possam ser contratados de forma digital. Levando em conta o fato de que os clientes querem fugir de burocracias, quanto mais itens puderem resolver com um simples clique no celular, melhor para eles. Uma forma de garantir essa praticidade digital é por meio de aplicativos que facilitam os processos em que os seguros estão envolvidos. 

O novo perfil de consumidor também pensa na simplicidade dos seguros. Os clientes não querem mais coberturas a perder de vista, mas sim as específicas, que consigam sanar suas necessidades . Como consequência desse fato, a personalização dos planos de seguro tem um forte apelo na decisão de compra dos potenciais clientes. 

Quanto aos tipos de seguros, os de vida e patrimoniais tendem a continuar sendo os mais procurados em 2023, mas os clássicos (como o de automóveis, por exemplo) também não irão sair de moda, principalmente em um ano de retomada à vida “normal”.

O que, definitivamente, não irá regredir dentro das tendências no mercado de seguros no Brasil é o uso intenso de tecnologia. Investir em meios digitais é algo que não beneficia somente os clientes, por sua praticidade: empresas e corretores também têm vantagens ao apostar nas tecnologias disponíveis, como o ganho de produtividade, principalmente na era do home office. 

No mais, é bem importante que os profissionais corretores de seguro estejam sempre atentos às  novidades e tendências do setor. Manter-se antenado é uma forma de prever o caminho que o mercado irá seguir e estar pronto para atender os novos perfis de consumo.

Desafios para o Setor de Seguros no Brasil em 2023 

Os principais desafios para o setor de seguros no Brasil em 2023 continuam sendo a promoção do uso de tecnologia e a transferência de serviços, vendas e atendimento para o meio digital. O desafio é realmente grande, pois ele acontece em três instâncias: a venda de seguros e atendimento aos clientes, produção de conteúdos e presença digital, e desenvolvimento de softwares para trabalho dos corretores. 

Esse desafio ocorre principalmente porque muitos corretores não estão respaldados por uma empresa grande, assim, não é tão fácil para eles terem o capital suficiente para investir em tecnologia. A dica para esses profissionais é começar aos poucos, mas nunca deixar de lado o meio digital. 

Os novos consumidores desejam comprar tudo pela internet, inclusive serviços. Assim, é interessante que os corretores tenham um site institucional em que os clientes possam fazer a contratação desses seguros. O processo, para quem está começando, pode ser feito de forma mista, com o primeiro contato sendo realizado pela internet, seguido de uma entrevista presencial para fechar acordo. 

Mesmo querendo que tudo seja de fácil acesso, pela internet, muitos compradores também desejam fazer as alterações nos seguros para que as coberturas consigam atender às suas necessidades específicas. Assim, é crucial ter um canal de atendimento direto para conversa entre corretores e clientes, sendo o Whatsapp Business a melhor opção para esse fim. 

Mais do que facilitar o fechamento de contratos, a internet também possibilita que os corretores de seguro atinjam seus potenciais clientes. Isso ocorre majoritariamente pela produção de conteúdos, que vão muito bem para blogs institucionais e para as mais diversas redes sociais, como Instagram, TikTok e Facebook. 

Os blogs (quando aplicadas as estratégias de SEO) ajudam a atingir clientes que procuram por dúvidas relacionadas a seguros nos sites de busca. Já as redes sociais usam os algoritmos para que os conteúdos cheguem até pessoas possivelmente interessadas. Esses materiais servem para fazer com que se desperte o interesse dos possíveis consumidores e, consequentemente, contratem o serviço do seguro. 

Além da atuação por meios digitais, que facilitam a interação com os consumidores, existem diversas tecnologias para a automatização do trabalho dos próprios corretores de seguro. Esses softwares são usados para aumentar a produtividade e reduzir o tempo gasto com atividades rotineiras, bem como para mitigar erros nos processos de fechamento de contrato de um seguro – sendo um investimento que vale muito a pena. 

E este é justamente o objetivo da Agger: facilitar e potencializar o dia a dia do corretor de seguros. Suas plataformas oferecem, por exemplo,o controle da saúde da corretora e automação nos processos rotineiros Atualmente, a Agger conta com mais de 7.500 clientes contratados e continua a crescer.

[rock-convert-cta id=”499″]

Picture of Redação Agger

Redação Agger

A Agger, com mais de 29 anos de mercado, é a maior plataforma de gestão e cotações de seguros no Brasil. Oferece a melhor combinação de soluções para conectar corretores, segurados e seguradoras, transformando a distribuição de seguros no Brasil. Unindo tecnologia, experiência e conhecimento especializado, sua plataforma oferece cotações, controle de apólice e comissões, cálculos e outros serviços, com informações rápidas, diversas e confiáveis, em mais de 14 ramos de seguros.

Compartilhe esse artigo

Talvez você goste

O uso da Tecnologia no mercado de seguros

Gestão do tempo: 10 dicas para produtividade

Entenda tudo sobre seguro garantia

4 ferramentas gratuitas para espionar seu concorrente

Conheça o Aggilizador Agger.
plugins premium WordPress